O PROCESSO CRIATIVO

Oficina sobre processo para artistas e interessados em arte.

processo criativo

O PROCESSO CRIATIVO – do conceito à prática.

Carga Horária Total: 8 horas

Data e horário:

25 de novembro das 9h às 18h.

Endereço:

AIREZ Galeria – Treze de Maio, 778. cj.15

 Objetivo:

A oficina de processo criativo busca apresentar uma explanação sobre o funcionamento da criatividade e como ela pode ser aprimorada.

O programa é dividido em dois eixos: descobertas na ciência moderna e exemplos práticos de grandes artistas contemporâneos.

O foco da oficina é capacitar os participantes para um olhar propositivo à criatividade, bem como, criar estruturas que sirvam de ferramentas para a melhoria do próprio processo criativo.

 Público-Alvo: Artistas e estudantes de arte.

Programa:

 1 – O QUE SABEMOS SOBRE CRIATIVIDADE:

 - Criatividade sob um olhar científico

 - Criatividade segundo a psicanálise

-  O que não é ser criativo

 2 – GRANDES EXEMPLOS:

- Martha Graham

- Jhon Cage

- Clarice Lispector

 3 – COMO MELHORAR O PRÓPRIO PROCESSO:

- tese e antítese

- uma máquina de fazer hipóteses

- processo é uma jornada sem saber onde se vai dar.

 Referências Bibliográficas:

- Escritos de Artistas. Glória Ferreira e Cecília Cotrim (org.). Jorge Zahar Editor.

- O caminho do artista. Julia Cameron. Ed. Sextante.

- Pense como um artista. Will Gompertz. Ed. Zahar.

- O retorno do real. Hal Foster e Célia Euvaldo. Editora Ubu.

- O que vemos, o que nos olha. Georges Didi-Huberman. Ed.34

- O inconsciente estético. Jacques Rancière. Ed. 34.

- Pensar. Sentir. Ver. Scott MacLeay. Ed Photos.

Sobre o orientador: 

Guilherme Zawa. 1982, artista visual, psicanalista e escritor.

Atua através da arte lens-based e da suspensão de conceitos através da palavra.  Realiza exposições de suas obras em galerias, eventos e museus de arte em São Paulo, Lisboa, Buenos Aires, Curitiba, Rio de Janeiro, Niterói e Nova Iorque.

É Orientador para projetos Autorais e trabalha a arte como aspectos de sublimação de percepções e da metáfora enquanto forma estrutural capaz de estabelecer novos significados.

Como Agitador Cultural da cena paranaense  realizou dezenas de projetos expositivos e artísticos, entre eles o CLIF – Curitiba Luz Imagem Fotografia, que conta com o apoio da comunidade, do Museu Oscar Niemeyer e da Fundação Cultural de Curitiba/Prefeitura de Curitiba.

É idealizador da AIREZ Galeria de Artistas Independentes, que atua através de convocatórias nacionais e a produção de exposições de novos artistas visuais e também do W.Imago Ateliê de  Criação Artística, que se dedica à aulas, oficinas e projetos sobre o fazer artístico em São Paulo e em Curitiba.

Atua como Analista através de projetos ligados à arte.

Vive e trabalha entre Curitiba e São Paulo.

Valores:

R$280,00

* estudantes de arte tem 20% de desconto.

Inscrições:

[email protected]

41.3088.7561